Bruxa

Com seu um metro e meio de estatura, óculos sustentado na ponta do nariz, uma cabeleira vasta e extensa, essa criatura dotada de piadas de duplo sentido, ironias, sarcasmos, diretas e indiretas, atormenta a vida do pobre Luís.


Como nomear esse ser? Sogra. Essa história começou desde o primeiro encontro, um olhou o outro, Luís assustado e a sogra indiferente, então a sogra disse uma palavra: ignóbil. Aquilo bastou para Luís deduzir: Ela me odeia.

Nada que Luís faça ou diga escapa de um comentário maldoso. Ele prefere os dias em que ela finge que ele não existe. Falando com todos nos eventos da família, exceto com ele. Imagina quando vocês casarem, eu disse a ele, que estremeceu com a imagem de um tratamento pior do que o que ele já recebe.

Nenhum relacionamento é perfeito e o relacionamento de Luís parece um verdadeiro conto de fadas e todo conto de fadas que se preze tem uma bruxa. Não vivemos em uma cidade de esmeraldas, mas Luís definitivamente encontrou magia e está disposto a vencer qualquer desafio para realizar seus desejos.

Ele vai encontrar em seu coração a inteligência e a coragem para conquistar seu lugar. 

Leia também: Bônus na operadora

Comentários