Planos

“Quer fazer Deus rir? Então conte seus planos a Ele”, disse o diretor de cinema Woody Allen. Há umas semanas eu estava rabiscando em alguns papéis meu orçamento. Calculando entre gastos com festas, internet, roupas e planos, como economizar pra aquela viagem ou comprar alguma coisa extravagante pra me agradar.


Minha mãe sempre me ensinou, pelo menos tentou, que eu tivesse sempre dinheiro coringa. Dinheiro coringa é aquele dinheiro que resolve aquele problema inesperado, porque não adianta planejar meticulosamente o orçamento se o acaso sempre nos surpreende com gastos inesperados, problemas que nós não imaginávamos que iriamos ter, daí é preciso o dinheiro coringa, aquele que é pau pra toda obra.

Como se planeja a vida?! Essa é uma pergunta pra qual eu não tenho a resposta. Planejar a vida é algo que eu vivo tentando fazer e sempre sou pego de surpresa para me mostrar o quanto esses planos são patéticos.

Talvez a vida realmente precise disso, pelo menos pra caso der certo, mas eu gostaria de conhecer alguém que me diga que a vida foi conforme o planejado. Eu sou tão pequeno para planos tão grandes. Chega de planos, vamos viver.

Leia também: Deixe Chover

Comentários

Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

Ben, filho do Ross de Friends, se forma na Universidade de NY

O Palhaço Fulermino

O preço da prostituição

Amizade virtual x Amizade real