Crise

Acho que estou tendo uma crise dos quarenta anos, só que eu só tenho vinte e poucos anos. Penso em milhares de coisas que eu planejava já ter feito até então e não fiz uma sequer, penso nas coisas que eu quero fazer e todas elas parecem distantes demais para serem alcançadas.


Cadê a minha força juvenil?! Outro dia recebi uma notícia ruim e passei dias sem sair de casa, por pura falta de ânimo. E assim passam-se um, dois, três dias... vai uma semana, vai um ano sem que eu me dê conta e eu estou me limitando ao básico de passar pelo dia na iminência do próximo.

Vivendo como se minha vida estivesse tão próxima de acabar. Teoricamente não está, mas nunca se sabe. Onde eu recupero minha juventude?! Eu ainda acredito no amor, mas parece que não acredito mais no amor pra mim.

Acredito no amor dos livros, dos filmes, das músicas. Toda batalha pra mim parece um pouco árdua demais e eu um pacifista com uma rosa na mão de pés descalços em silêncio esperando que tudo se resolva.

Não adianta escrever um final feliz pra minha história de vinte e poucos anos, mas seria muito bom dar um ponto final nessa crise dos quarenta anos e deixar isso para daqui a alguns anos.

Vou alongar mais meus passos e aprender alguma coisa sobre defesa pessoal, calçar alguma coisa pra me proteger de possíveis pedras e cacos de vidro no caminho e correr atrás de realizar meus sonhos juvenis.

Leia também: Montanha russa

Comentários

  1. Crise de 40 anos na minha terra se chama depressão. Bem vindo ao clube, vou te passar o número do meu psicólogo gato, e tudo se resolve. hauhauhauhauha

    ResponderExcluir
  2. Acho que estou nesse barco também.
    =/

    ResponderExcluir

Postar um comentário