Ventos de Julho

Os últimos dias tem sido bem conturbados, a rotina de cobranças da vida adulta e uma avalanche de más notícias afetaram, inevitavelmente, nosso espírito, mas a gente continua levando. No meio de toda essa loucura, olhando para o céu totalmente azul, sentindo a brisa suave, lembrei de não muito tempo atrás, quando a vida também parecia ser mais suave.


Éramos crianças, correndo de braços abertos e cara pro sol, totalmente invencíveis. Não precisávamos de muito para ter tudo, nossos pensamentos tinham a força de transformar a realidade. Mas com o tempo a gente foi cansando. Diminuiu o passo com medo de cair, passou a se proteger dos raios UV e começamos a sentir o gosto amargo das derrotas, por menores que elas tenham sido.

E se ainda conseguimos lembrar de como éramos, talvez ainda possamos acordar um pouco das nossas habilidades adormecidas, voltar a abrir os olhos, encarar o sol só para ver o mundo com cores diferentes e concentrar apenas pensamentos positivos?

Foi aí que fiz um pedido, que os ventos de Julho levem nossas dores, nossos desamores e nossos dissabores e que nos tragam novidades, como só os novos dias podem trazer, que nos tragam mais vida, mais amor e mais esperança para os dias que estão por vir, para que a gente volte a ver a vida como toda criança, achando que tudo é possível e correndo atrás dos nossos sonhos…

Comentários

  1. Vou fazer desse texto a minha oração, só queria pedir que os ventos de julho soprassem mais forte porque até agora só veio brisa, viu!? Rsrs.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Jon. Sempre bom pegar palavras positivas e transformar em oração. Quanto ao vento, é bom ele soprar mais forte mesmo viu? Que o calor está só aumentando.

      Excluir

Postar um comentário