“Onde está o Lucas?” Parte 2

A última vez que me fiz essa pergunta foi há mais de quatro anos. Eu estava em um lugar completamente do qual estou agora, emocionalmente falando. Tudo começou com um sonho, enquanto dormia, migrei para uma outra realidade onde dei de cara comigo mesmo, meu eu olhou para mim e perguntou:

_E o Lucas? Cadê ele? Por onde ele anda? Como ele está?

A insistência dessas perguntas me deixou angustiado. Eu não sabia respondê-las. Acordei no meio da noite ofegante, como se tivesse saindo correndo do sonho, tentando fugir dele. Demorei para voltar a dormir, exercitei a máxima do egocentrismo no meio da madrugada, ficar pensando em mim.
Quando acordei no dia seguinte algo estava diferente. De repente me senti mais eu mesmo, entende? Como se eu, protagonista da minha história, estivesse interpretando um papel secundário e de repente voltasse a ter o centro do palco.

Onde eu estou? Como eu estou? Eu ainda não sei as respostas, mas eu não tenho mais medo das perguntas.

Leia também: Amizade real x Amizade virtual em #Crônicas.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Filmes para quem está solteiro no dia dos namorados

Eu te desejo o bem

Sem medo