Meio-dia na Frei Serafim

Os sinos da igreja São Benedito soaram pontualmente ao meio-dia. Leandro sobe apressadamente a escadaria da igreja e, ao chegar ao topo, olha para trás por menos de um segundo, o suficiente para observar um pouco da cidade ali do alto.



Leandro é do tipo de pessoa que nota detalhes, por menores que eles sejam. Observa tudo e todos a sua volta, não deixando passar nenhuma informação. Inquieto por natureza, gosta de viver na cidade pela correria inerente.

A movimentação agitada dos pedestres no passeio da Avenida Frei Serafim parece camuflar seus sentimentos inquietos, sua angustia e sua ambição, querendo sempre mais que pode ter, e sua cobiça pelas coisas que não têm.

Ainda sim, não consegue escapar do comportamento provinciano característico da maioria da população teresinense. Aqui, na avenida mais movimentada da capital, em pleno horário de pico os ares de metrópole surgem hora sim, hora não.

Assim como o vento que passeia entre as casas clássicas da Teresina pitoresca, dos tempos que esta mesma avenida era o logradouro das famílias mais ricas e influentes da capital meio norte. Casas estas que dividem o cenário com os prédios modernos, típicos do despontamento urbano da cidade. E é ali que a cidade parece pulsar para todos os lados. Cortada ao meio dividindo o sul e o norte, servindo de passagem para carros, ônibus, metrô e os pés aflitos de Leandro.

Nos bancos em baixo das árvores, neste passeio, é possível observar toda essa fervência. A cidade ferve, ao meio dia em ponto, o calor de 38° parece delirante, principalmente para os famintos à espera do ônibus, nos pontos desprotegidos do sol.

Leandro se conserva à sombra, seja das árvores ou da sombrinha, assessório indispensável a qualquer habitante dessa capital do sol. Quando chega, finalmente, ao seu destino, ele fecha a sombrinha, adentra o recinto, deixando a porta de vidro fechar-se atrás dele, conservando o ar refrigerado do ambiente. “Um alívio”, pensou Leandro ao sentar-se.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Ben, filho do Ross de Friends, se forma na Universidade de NY

Amizade virtual x Amizade real

O Palhaço Fulermino

O preço da prostituição